Três mil pessoas na Exposição Nacional angariam mais de dois mil euros para os bombeiros

IMG_7352.JPG

A 47ª Exposição Nacional de Columbofilia, que decorreu durante o passado fim de semana, no Centro de Alto Rendimento de Anadia, em Sangalhos, recebeu a visita de três mil pessoas. O evento teve um cariz solidário e permitiu aos Bombeiros Voluntários de Anadia angariarem uma verba superior a dois mil euros.


Os milhares de columbófilos chegaram de norte a sul do país, mas também além fronteiras, para participarem naquele que é considerado um dos mais importantes momentos da columbofilia nacional. Na exposição, que contou com meia centena de expositores, foram apurados os melhores pombos-correio portugueses, nas classes Sport e Standard, bem como a seleção nacional de columbofilia que vai representar o país já no próximo fim de semana na Exposição Ibérica, que decorre em Valência, Espanha.


O certame, que arrancou na quinta-feira e terminou no domingo, foi organizado pela Federação Portuguesa de Columbofilia (FPC)e pela Associação Columbófila do Distrito (ACD) de Aveiro, em parceria com o Município de Anadia.

81917447_1430534933787748_1590557618139561984_o.jpg
José Luís Jacinto, Vidal Pinto, Carlos Paula Cardoso, Teresa Cardoso e José Tereso


A organização decidiu imprimir um cariz solidário à iniciativa atribuindo o valor de um euro a cada entrada, que reverteu na totalidade a favor dos Bombeiros Voluntários de Anadia. Elementos da corporação estiveram a cobrar as entradas durante o dia de sábado e a manhã de domingo, tendo angariado uma verba de 2.295 euros.


“Foram distribuídas 2100 pulseiras pelos Bombeiros e estimamos que tenham estado pelo menos 3000 pessoas. Valeu a pena todo o trabalho que tivemos. O balanço é muito positivo”, afirma Luís Silva, presidente da ACD Aveiro, destacando a presença de dezenas de crianças das escolas do concelho de Anadia. Durante a cerimónia da abertura oficial, o responsável chegou a confessar que estava a viver “um dos dias mais felizes” da sua vida.


“Agradecemos muito à ACD Aveiro e à Federação Portuguesa de Columbofilia. Para nós é um gesto muito importante e toda a ajuda é bem vinda”, refere Carlos Cavaleiro, vice-presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Anadia, sublinhando “a enorme dinâmica da modalidade”.


Quem também ficou surpreendida com a capacidade de mobilização da columbofilia foi a presidente da Câmara Municipal de Anadia, Teresa Cardoso. “Estava longe de imaginar a dimensão deste evento”,  confessou na sua intervenção durante a cerimónia de abertura, destacando a “dinâmica desportiva, mas também comercial e económica” associadas ao evento.

José Luís Jacinto, presidente da FPC, com Carlos Paula Cardoso, presidente da Confederação do Desporto de Portugal e  Teresa Cardoso, presidente CM Anadia

“É um prazer ver este mar de gente encher este recinto tão bonito”, sublinhou José Luís Jacinto, presidente da FPC, mostrando-se orgulhoso com o entusiasmo dos columbófilos que que cada vez mais se aproximam da modalidade.


“Ver a vitalidade que nos mostram é excecional”, sustentou Carlos Paula Cardoso, presidente da Confederação do Desporto de Portugal, que também marcou presença, considerando ainda “fundamental o trabalho feito pelas associações junto dos jovens”.


A ACD Aveiro e o Município de Anadia já passaram o testemunho à Associação Columbófila Distrital de Lisboa e ao Município de Cascais que, em conjunto com a FPC, vão organizar a 48ª Exposição Nacional, a 19 e 20 de dezembro deste ano. 

João Morais, presidente da ACD Lisboa, Ana Cristina Branco, chefe de divisão do Desporto da Câmara Municipal de Cascais, e Domingos Jerónimo, do gabinete do vereador do Desporto da mesma autarquia, José Luís Jacinto, Luís Silva e Jorge Sampaio, vice-presidente CM Anadia (da esquerda para a direita)

Cascais aceita o desafio de organizar a 48ª Exposição Nacional

Cascais vai receber a 48ª Exposição Nacional de Columbofilia, em dezembro deste ano, e promete dar um cariz mais internacional ao evento.

O testemunho foi passado das mãos de Luís Silva, presidente da ACD Aveiro, e de Jorge Sampaio, vice-presidente da Câmara Municipal de Anadia, para João Morais, da ACD Lisboa, Ana Cristina Branco, chefe de divisão do Desporto da Câmara Municipal de Cascais, e Domingos Jerónimo, do gabinete do vereador do Desporto, Frederico Nunes, da mesma autarquia, na presença do presidente da Federação Portuguesa de Columbofilia, José Luís Jacinto.


A passagem de testemunho decorreu durante o jantar de gala da 47ª Exposição Nacional que chegou ao fim este domingo, depois de quatro dias intensos inteiramente dedicados à columbofilia, no Velódromo de Sangalhos, em Anadia.